loading...

Mãe solteira vendia mel para sustentar a família, até ser processada por Mel Gibson



A chilena Yohana Agurto criou um negócio de mel, fazendo um trocadilho com o nome de Mel Gibson. O ator norte-americano decidiu processá-la, mas a história pode ter um final feliz.

Yohana Agurto é uma professora chilena que perdeu o seu emprego durante a pandemia de covid-19. Com a preocupação de sustentar os seus quatro filhos, esta mãe solteira teve uma ideia empreendedora para solucionar os seus problemas.

Agurto lembrou-se que tinha uma grande quantidade de mel orgânico na despensa. Através de um trocadilho de palavras com ‘mel’ e o ator norte-americano ‘Mel Gibson’, e com a ajuda de um designer gráfico amigo, desenhou um logótipo da icónica personagem do filme “Braveheart”.

Imprimiu uma série de logótipos em casa e colou nos frascos de mel orgânico que tinha em casa. Assim, surgiu o “Miel Gibson”. O dinheiro conseguido com o pequeno negócio permitiu-lhe pagar as contas e pôr comida na mesa para os seus quatro filhos.

O problema foi quando recebeu um email dos advogados do ator norte-americano, escreve o The New York Times. “Chegou ao meu conhecimento que você está a usar ilegalmente o nome e/ou imagem e/ou biografia do Sr. Gibson para comercializar ou vender produtos de mel”, lia-se no email. A equipa de advogados pedia que o negócio fosse cessado.

Embora tivesse ficado preocupada, alguns dos seus amigos aconselharam-na a ignorar a mensagem, sustentando que nenhum advogado norte-americano iria perder tempo a tentar fechar um pequeno negócio de mel orgânico caseiro no Chile.

Com medo do que pudesse acontecer, Agurto eliminou o endereço de email que tinha criado para o ‘Miel Gibson’. Além disso, após dedicar tanto tempo e dedicação ao negócio, decidiu vir a público com a litigação de que foi ameaçada.

Para além de publicidade gratuita com a atenção mediática que atraiu, Agurto recebeu várias encomendas e aconselhamento jurídico de alguns advogados.

Ando a dormir três horas por noite”, disse a chilena ao jornal americano. “Tenho centenas de mensagens às quais não respondi”.

Agora, com a ajuda de um advogado chileno, Agurto espera chegar a um consenso com a equipa legal de Mel Gibson. A marca quer manter o nome, deixando apenas de usar a imagem do ator.

Nada disto tem o objetivo de impedir que alguém ganhe um salário ou crie um negócio”, disse a advogado de Gibson em comunicado. “Mas existem canais adequados para contacto e autorizações pelas quais você precisa de passar para ter a certeza de que tem a aprovação para tal uso”.

Fonte e Foto: ZAP

Comente com o Facebook:

INFORMAÇÃO

Algumas fotografias utilizadas neste blog e alguns artigos são provenientes de outras fontes como Jornais, Revistas, Blogues, órgãos de comunicação social, bases fotográficas estrangeiras e motores de busca. Todos os artigos tem a fonte da foto e da noticia no final do mesmo. Se alguma entidade se sentir lesada ou não permitir a utilização de algum conteúdo utilizado neste sítio comunique-nos, por favor, e prontamente será retirado.