loading...

Multimilionários refugiam-se da Covid-19 a bordo de iates



Vários multimilionários têm procurado refugiar-se da pandemia de Covid-19, que nasceu em dezembro passado na China, em alto mar, a bordo de iates de luxo.

Em declarações ao jornal The Telegraph, Jonathan Beckett, executivo da empresa britânica de aluguer de iates Yates Burgess, contou que a procura pelos seus serviços aumentou significativamente desde o início da pandemia.

As pessoas estão a procurar formas de resistir à tempestade e um iate num clima agradável não é um mau lugar para se isolarem”, disse o responsável, cuja empresa aluga este tipo de embarcação entre 53.000 e 1,1 milhões de dólares por semana.

De acordo com o empresário, há famílias a alugar iates para vários meses.

Uma família alugou um iate para nove meses e também tivemos duas reservas de longo prazo para iates com 39 e 70 metros”, contou, observando um interesse crescente em destinos remotos como o Alasca, as Ilhas do Pacífico ou o sul do Chile.

De acordo com a Hollywood Reporter, esta é uma tendência que também se observa nos Estados Unidos, onde vários milionários acreditam que estar num barco é a melhor forma de garantir o distanciamento social necessário para combater a pandemia.

De repente, as pessoas começaram a pedir-me para alugar iates (…) Estão tão preocupados com o vírus que sentem que o lugar mais seguro é em alto mar“, disse ao portal Katie Provinziano, diretora administrativa da empresa Westside Nannies, sediada em Los Angeles, nos Estados Unidos.

Fonte e foto: ZAP

Comente com o Facebook:

INFORMAÇÃO

Algumas fotografias utilizadas neste blog e alguns artigos são provenientes de outras fontes como Jornais, Revistas, Blogues, órgãos de comunicação social, bases fotográficas estrangeiras e motores de busca. Todos os artigos tem a fonte da foto e da noticia no final do mesmo. Se alguma entidade se sentir lesada ou não permitir a utilização de algum conteúdo utilizado neste sítio comunique-nos, por favor, e prontamente será retirado.