loading...

Médica que estava na linha da frente no combate ao coronavírus em Nova Iorque acaba com a própria vida



Profissional esteve infetada com a Covid-19 mas acabou por recuperar.Uma das principais médicas de Nova Iorque que estava a combater o coronavírus nos Estados Unidos acabou com a própria vida, anunciou esta terça-feira o The New York Times.

Lorna Breen era diretora médica do departamento de emergência de um hospital em Nova Iorque.O pai da médica de 49 prestou declarações ao jornal norte-americano e referiu que: "Ela tentou fazer o seu trabalho e acabou por matá-la".

Lorna Breen não tinha registo de qualquer problema psicológico. A médica adoeceu com coronavírus mas voltou ao trabalho cerca de uma semana e meia depois.

Fonte e foto: Correio da Manhã

Comente com o Facebook:

INFORMAÇÃO

Algumas fotografias utilizadas neste blog e alguns artigos são provenientes de outras fontes como Jornais, Revistas, Blogues, órgãos de comunicação social, bases fotográficas estrangeiras e motores de busca. Todos os artigos tem a fonte da foto e da noticia no final do mesmo. Se alguma entidade se sentir lesada ou não permitir a utilização de algum conteúdo utilizado neste sítio comunique-nos, por favor, e prontamente será retirado.